Reciclagem: ações que fazem a diferença

Reciclagem: ações que fazem a diferença

Você sabia que uma tonelada de papel reciclado poupa cerca de 22 árvores, economiza 71% de energia elétrica e polui o ar 74% menos? Estima-se que todos os anos os brasileiros joguem fora 80 milhões de toneladas de lixo, mas apenas 3% desse total é reciclado! A reciclagem do lixo é essencial para diminuir o impacto de resíduos no meio ambiente. Tomando alguns cuidados de como reciclar o lixo você pode fazer uma enorme contribuição. Reduza a quantidade do que você vai jogar fora, reutilize materiais sempre que possível e recicle o máximo que puder!

Lixo orgânico

Assim é chamado o material biológico, de origem vegetal ou animal. Compreende cascas de fruta, legumes e ovos, restos de alimentos não consumidos ou fora do prazo de validade, etc.
Essas são algumas dicas para reduzir a produção do lixo orgânico:

– Evite comprar alimentos em excesso e ter de descartar produtos que perdem a validade antes de serem consumidas;
– Guarde frutas, legumes e verduras de forma correta na geladeira, para que durem mais;
– Use a criatividade para preparar receitas aproveitando caules, folhas e cascas dos vegetais;
– Calcule bem a quantidade de comida necessária para uma refeição e aprenda a aproveitar as sobras, criando novos pratos no dia seguinte;

Lixo inorgânico

É chamado assim o lixo seco, produzido pela ação do homem e não da natureza. São materiais como, plástico, alumínio, vidros, papel e papelão, tecidos, etc.
É fundamental separar o lixo orgânico e o inorgânico em duas lixeiras diferentes, isso ajudará o pessoal dos centros de reciclagem e aterros sanitários. É importante, também, lavar as embalagens recicláveis e deixar secar bem antes de colocar na lixeira. Isso evita mau cheiro e contaminação dos outros materiais. Você também pode reutilizar caixas de leite, garrafas PET, embalagens de papelão, para trabalhos artesanais. Existem diversos tutoriais na internet que ensinam a criar itens de decoração com esse tipo de material!

Reciclagem: ações que fazem a diferença

Resíduos perigosos

Alguns materiais comportam riscos para a natureza e/ou para quem os manuseia. Pilhas, baterias, objetos eletrônicos, lâmpadas, produtos químicos e medicamentos devem ser descartados em pontos de coleta específicos para cada material.
Quando se tratar de cacos de vidro, coloque-os dentro de garrafas PET ou enrole em várias camadas de jornal, para prevenir cortes em quem fará a coleta do seu lixo. Nunca descarte vidro na natureza. Um raio de sol incidindo em um pequeno caco pode gerar uma faísca e provocar um incêndio!

Questão de cultura

Eduque as crianças com consciência sustentável desde cedo! Aqui vão alguns bons exemplos:

Reciclagem: ações que fazem a diferença

– Resista ao consumismo excessivo, compre apenas o necessário;
– Utilize sacolas de pano ou reutilizáveis para ir ao supermercado;
– Tente consertar o que estragou, em vez de descartar e comprar um aparelho novo;
– Use a criatividade para dar vida a objetos novos com embalagens recicláveis;
– Ensine o desapego e mostre aos seus filhos a importância de doar roupas e brinquedos para famílias carentes.

Fábrica de pias e cubas exclusivas para seus gabinetes, proporcionando aos clientes peças exclusivas, funcionalidade, praticidade, higiene, tecnologia e design avançado.
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *